CARACTERIZAÇÃO E AVALIAÇÃO DE UM MECANISMO DE EXCITAÇÃO APLICADO EM TESTES MODAIS EXPERIMENTAIS

por: Saulo Melotti, Joel Martins Crichigno Filho, Doglas Negri

Acessar artigo completo



Ano: 2019

Instituições de ensino: SENAI, Universidade do Estado de Santa Catarina, Universidade do Estado de Santa Catarina

Idioma: Portugues

Logo-abcm-300
Logo-cobef-2019



Resumo

Quando não controladas, vibrações mecânicas são extremamente prejudiciais nos processos de usinagem, pois afetam diretamente a vida da ferramenta e a qualidade da peça usinada. Em se tratando dos processos em microescala, o impacto deste fenômeno é ainda mais prejudicial decorrente da fragilidade das microferramentas e dos requisitos de alta precisão dos microcomponentes. Para auxiliar a eliminar e/ou minimizar o problema de vibração durante a usinagem, a caracterização dinâmica do sistema apresenta-se como alternativa. O presente trabalho destaca o estudo para caracterizar o funcionamento de um mecanismo de excitação automatizado concebido para realizar análise modal experimental em sistemas de microfresamento. Foram avaliadas as influências da massa e rigidez do martelo e material e forma das ponteiras na largura de banda excitada, repetibilidade do ponto excitado e controle da força de excitação. Importantes conclusões foram obtidas acerca da influência destas variáveis no funcionamento do mecanismo. A repetibilidade do sistema de excitação foi considerada satisfatória, visto que para o total de nove impulsos, o desvio padrão observado na intensidade do sinal foi de 0,198N sem diferença significativa no tempo dos impulsos e no local do ponto excitado. A largura de banda excitada pelo mecanismo de excitação foi de 4,7kHz.


Palavras chave

Acessar artigo completo




Comentários



Veja outros trabalhos acadêmicos

Outros conteúdos

Fórum

Tire suas dúvidas e ajude outras pessoas no CIMM:

Faça uma pergunta