Randon investirá menos em 2013

Valor estimado para este ano é três vezes menor do que o investimento previsto em 2012


Continua depois da publicidade


 

A Randon informou ontem (14) que pretende investir R$ 130 milhões este ano, valor três vezes menor que o investimento previsto no ano passado, de R$ 400 milhões, em expansão da capacidade produtiva e modernização de unidades. Tradicionalmente, a empresa divulga primeiro suas estimativas para o ano vigente e só depois apresenta o balanço do ano anterior.
 
Em comunicado enviado ao mercado financeiro a fabricante de implementos rodoviários reduziu todos os valores previstos para 2013 de receita bruta, receita líquida, exportações, importações e investimento na comparação com as estimativas para 2012. A expectativa da empresa é alcançar R$ 6 bilhões em receita bruta, 1,6% abaixo do previsto para 2012, e receita líquida de R$ 4,2 bilhões, 2,3% abaixo da receita líquida estimada para 2012. 
 
Em exportações, as projeções apontam para US$ 300 milhões este ano (2012 = US$ 330 milhões) e US$ 120 milhões em importações (US$ 150 milhões em 2012). As receitas geradas no exterior, novo dado no relatório, devem chegar a US$ 92 milhões, estima a Randon.
 
A nota informa que “tais indicadores são validados no processo de planejamento estratégico e respaldados pela avaliação do cenário macroeconômico doméstico e dos países com os quais ela mantém relações comerciais, bem como, indicadores setoriais, da indústria automotiva e comportamento de mercado nos segmentos de atuação”.



Comentários