Petrobras prevê investir US$ 300 milhões até 2025 em refinarias que não serão vendidas

Unidades que receberão os aportes serão as refinarias Presidente Bernardes, Duque de Caxias, Capuava, Paulínia e Henrique Lage.

A Petrobras anunciou nesta segunda-feira (24) o lançamento de um programa que prevê investimentos de US$ 300 milhões até 2025 para aumentar a eficiência e desempenho de refinarias que não estão no plano de desinvestimentos da companhia.

A estatal disse que tem o "objetivo de estar entre as melhores companhias refinadoras de petróleo no mundo" com o plano chamado "RefTop-refino de classe mundial".

A Petrobras afirmou que as unidades que receberão os aportes serão as refinarias Presidente Bernardes, Duque de Caxias, Capuava, Paulínia e Henrique Lage.

Os investimentos do programa já estão incluídos nos US$ 3,7 bilhões que a empresa prevê para a área de refino no Plano Estratégico 2021-2025.




Comentários