por Maurício Conti    |   08/01/2022

Metaverso é a palavra do ano e os números são surpreendentes

Só nas redes sociais, foram mais de 84 mil menções.


Publicidade


Metaverso virou a palavra do ano em 2021 e os números são surpreendentes. Só nas redes sociais, foram mais de 84 mil menções. De acordo com o Blog Comscore, a tendência é que toda e qualquer atividade se transforme em entretenimento por meio da tecnologia.

“O Metaverso deve amplificar essa experiência, espelhando o mundo real no ambiente virtual por meio do uso de avatares 3D e realidade virtual e aumentada”.

Metaverso: a palavra do ano

Sim, o tema ainda é polêmico e por si só, promoveu várias discussões na web ao longo de 2021. Por conta disso, o termo obteve nada menos que 84 mil menções nas redes sociais vindas de 29 mil autores únicos.

Outro dado bastante relevante é a correlação entre metaverso e os trending topics:  realidade virtual; first airdrop; e precious gem marketplace (mercado de jóias preciosas).

O assunto foi abordado em sua maioria pelo público masculino, interessado em tecnologia, negócios, livros e família/paternidade, proveniente dos meios artístico, educador/estudantil e legal. No total, cerca de 82%.  

De acordo com o Blog Comscore, o pico aconteceu no final de outubro, justamente quando o então Facebook se apresentou ao mercado como Meta. 

Um novo universo

O termo apresenta duas grandes vertentes. Aqueles que acreditam fielmente no metaverso e como ele pode ser transformador, principalmente no que se refere às conexões humanas, novas formas de trabalho, lazer e diversão.

Do outro lado está o público dita convencional. Aquele que ainda está tentando entender as dimensões do metaverso, a palavra do ano.  

O Comscore ainda identificou que, dentro de um universo de 115 milhões de internautas, cerca de 65 milhões apontam a relevância da sincronização de todos os dispositivos eletrônicos.

Em contrapartida, cerca de 60 milhões, concordam que o contato humano foi melhorado com a evolução tecnológica, como o avanço das redes sociais, por exemplo. 

Profissões Metaverso: nossos filhos irão trabalhar com isso

A pouco tempo falamos sobre as profissões Metaverso. Sim, o assunto está super em alta.


Continua depois da publicidade


Nossos filhos estão estudando para trabalhar em um mercado que, apesar de apresentar números surpreendentes, ainda é pouco conhecido.

Entre as novas profissões lançadas pelo Metaverso estão:

  • Cientista de pesquisa do metaverso;
  • Estrategista de metaverso;
  • Desenvolvedor de ecossistemas;
  • Gerente de segurança faz parte das novas profissões metaverso;
  • Construtor de hardware do metaverso;
  • Storyteller do metaverso;
  • Construtor do novo mundo;
  • Especialista em bloqueio de anúncios.

E muitas outras que ainda surgirão.

O importante é lembrar que em 2021, metaverso foi a palavra do ano e sim, os números apontados surpreendem.

* O conteúdo e a opinião expressa neste artigo não representam a opinião do Grupo CIMM e são de responsabilidade do autor.
Tópicos:

Maurício Conti

Engenheiro de Computação, founder do Simples ID, CPO wconnect, Conselheiro Administrativo, Profissional de tecnologia e Saúde Digital, influenciador digital nas áreas de Blockchain e NFT.


Comentários